terça-feira, 3 de abril de 2012

Sentimento inconstante


     Sou tão incompreensível, tenho tudo nas mãos e nunca basta, por vezes chego a querer gritar para mim própia e implorar para parar de sentir esse desconhecido sentimento. Eu não sou assim,  eu não quero ser assim, não é meu perfil, porém há algo dentro de mim que grita mais alto, cheguei a fechar os olhos e dizer para mim própia '' Não faças isso!! '', mas tem sido inevitável.
     O que eu mais posso fazer? Não posso partilhar isso para ninguém, não me ajudaria em nada, só me faria ficar mais confusa, eu não quero magoar ''ninguém'' e mesmo que eu quisesse nunca daria certo, não faz sentido.
     Refugio-me desse sentimento que vem a ser inconstante, ás vezes não dá para controlar, procuro evitar de sentir isso, mas parece que os nossos caminhos vêm se cruzando.  Por mais estranho que pareça não sou a única que sente isso, não sou a única que escreve sobre isso, nem que sofre com isso. Sinto que nós duas somos tão parecidas e ao mesmo tempo diferentes, temos uma personalidade única, sofremos as duas, raramente trocamos uma palavra com a outra, ou seja, somos tão distantes.
    Este tsunami de sentimentos absolutamente dominador só me faz sentir uma enorme raiva dentro de mim, não permito aceitar o que acontece comigo, apercebo-me que estou a ser tão ingrata a vida, além de estar bem ciente que isso não é destino, e sim, uma pura ilusão.
     Acredito que isso é passageiro, tenho que me limitar disso, ou então tudo mudará...

6 comentários:

  1. Escreves mesmo muito bem.Gostei imenso.Continua assim :)

    http://igual-a-ti.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. , não te deves culpar por aquilo que sentes, por aquilo que mostras sentir aos olhos dos outros ;x , se és assim é porque não andas bem nos últimos dias , tenta encontrar algo ou alguém que acalme , procura o teu próprio lugar .
    , sentes que estas distante de alguém? mostra-lhe isso, abre-te com ela, diz-lhe como te estas a sentir , não guardes isso para dentro de ti porque depois isso torna-se em acumulações que depois nem tu própria consegues sustentar ;c "FORÇA"

    ResponderExcluir
  3. escreves mm bem, adorei o teu blog !
    vou seguir (:

    ResponderExcluir